DHL Express Portugal > Novidades sobre envios internacionais > Marketing > Marketing de Influência: Uma Tendência em Crescimento

 

Marketing de Influência: Uma Tendência em Crescimento

Marketing de Influência

O marketing de influência é, acima de tudo, um marketing boca a ouvido que se concentra na utilização de uma personalidade importante para ampliar a marca para o mercado. Os influenciadores podem ser celebridades famosas, ‘YouTubers’, ‘Instagramers’ ou, mais recentemente, ‘TikTokers’ com grande número de seguidores que podem ajudar a divulgar a marca ou o negócio pelos canais sociais.

Conheça alguns dos números impressionantes do marketing de influência de acordo com o HubSpot:

  • A indústria de marketing de influência deve crescer para aproximadamente 12 biliões de euros (14 biliões de dólares) em 2021.
  • Mais de 240 novas agências focadas em marketing de influenciadores e plataformas de influenciadores foram criadas em 2019.
  • A maioria (59%) admite ter um orçamento independente para marketing de conteúdo, e 75% deles pretendem dedicar um orçamento para marketing de influenciador em 2021.
  • 90% dos participantes da pesquisa acreditam que o marketing de influência é uma forma eficaz de marketing.

O marketing de influência é uma tendência em crescimento!

Um dos melhores exemplos de marketing de influenciador é a Adidas. É uma das marcas mais populares que o usa para promover os seus produtos. Esta familiarizou-se com influenciadores para aumentar o seu alcance no Instagram e em várias plataformas de redes sociais.

Como se querem focar numa população mais jovem, desenvolvem campanhas no Instagram (onde 70% dos utilizadores têm menos de 35 anos de idade) com artistas de música que sejam nomes altamente reconhecidos pelo target específico.

Numa recente campanha colaboraram com Selena Gomez e Iga Wysocka e introduziram a hashtag #MyNeoShoot, conseguindo 12.000 inscrições para o concurso através desta campanha. Além disso, a hashtag recebeu um grande número de menções e os seus seguidores no Instagram aumentaram em 41.000. Já as vendas, conseguiram aumentá-las em 24% e, ao mesmo tempo, promover uma queda das vendas da Nike em 9,1%. 

Deve apostar em marketing de influência?

A resposta é sim. Deve, no entanto, ter alguns cuidados. Escolha um influenciador que siga a mesma Cultura que o seu negócio e garante que a comunicação do mesmo segue as suas orientações. Não se esqueça que estes vão ser uma extensão da sua marca e, por esse motivo, deve controlar o que vai chegar aos seus clientes.

blank