DHL Express Portugal > Novidades sobre envios internacionais > Gestão de Negócios > Prepare Agora a Logística de Natal Para Garantir Um 2022 de Sucesso

 

Prepare Agora a Logística de Natal Para Garantir Um 2022 de Sucesso

Logística de Natal

Para a maioria dos consumidores ainda é um pouco cedo para começar a pensar no Natal. Mas, para quem gere uma empresa e procura um 2022 de sucesso, é a altura ideal para começar a preparar a logística de Natal. Só assim conseguirá ter vantagem no mercado, não só para a época festiva de pico, como também para todo o ano seguinte.

Uma empresa necessita ter a capacidade de lidar com picos fortes de procura, tensões e imprevistos, durante todo o ano. E deve estar especialmente atenta a momentos-chave, tais como o Natal, Black Friday, Cyber Monday, por exemplo. É por isso muito importante ter um plano logístico resiliente, capaz de resistir ao stress das épocas comercialmente mais fortes, como também a outras dificuldades e imprevistos que possam afetar a cadeia de abastecimento.

Para saber mais sobre como tornar o seu negócio mais resiliente leia as recomendações que temos para si. Estas servem para o imediato (logística de Natal) mas também para garantir um 2022 de sucesso.

A época de Natal é apenas o início

Aos poucos o mundo está a recuperar e a avançar após os impedimentos provocados pela Covid-19. Com o crescimento de vendas devido à época natalícia, e com o aumento do e-commerce, é cada vez mais relevante preparar com antecedência a sua logística de Natal. Os próximos meses esperam-se particularmente complicados ao nível das cadeias de abastecimento pelo que quanto melhor planear e antecipar as suas necessidades, mais preparado estará para servir os seus clientes nas melhores condições.

Os seus clientes estão em todo o lado

O crescimento do e-commerce impulsionou também um crescimento nas pequenas e médias empresas. Hoje em dia, com o parceiro logístico certo, uma empresa em Portugal pode colocar os seus produtos em praticamente qualquer mercado do mundo, em boas condições e em poucas horas. Por isso, não pense apenas no mercado nacional, mas olhe além-fronteiras e entre num mercado global com milhões e milhões de potenciais clientes.

Força de trabalho

Os desafios impostos às empresas pela pandemia foram muitos e a força de trabalho foi afetada. Para conseguir contornar estes desafios, é essencial que a empresa identifique com antecedência as suas necessidades em termos de recursos humanos para que tenha tempo suficiente para reforçar as suas equipas.

Ou, em alternativa, avalie a possibilidade de terceirizar algumas operações, focando-se no seu core business e ganhando flexibilidade adicional. Um operador logístico especializado e com um elevado nível de serviço como a DHL Express, pode poupar-lhe muitas dores de cabeça no que respeita à movimentação das suas mercadorias e entrega de produtos ao cliente final.

Canais digitais

Os compradores usam cada vez mais os canais digitais, como as redes sociais, para procurarem informação sobre produtos ou serviços antes de os adquirirem. Estudos recentes mostram que cerca de 80% dos consumidores usaram pelo menos uma das Apps do universo do Facebook para encontrarem informação relacionada com produtos ou serviços no último Natal.

Isto significa que estes canais digitais não podem ser descurados em momento algum e em particular neste período de pico de vendas associado ao Natal.

Deve, por isso, preparar um plano de comunicação global e integrado que cubra todos os canais digitais que os seus clientes podem usar. E não se esqueça de privilegiar o canal mobile que é onde os consumidores despendem uma fatia cada vez maior do seu tempo.

Planeie a sua logística, escolha os seus mercados, antecipe as suas necessidades em termos de equipa e toda a sua comunicação. Só assim o seu negócio poderá crescer e ser resiliente, não só nos períodos de pico como no Natal, mas durante todo o ano.

blank